Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

| February 23, 2018

Scroll to top

Top

SHURIKEN

Na língua japonesa Shuriken significa:
Shu – Mão
Ri – Que também lê-se ura – costas, no meio de, em, inverter, interior, palma, atrás, forro, lado errado.
Ken – Que também lê-se Tsuguri – sabre, espada, lâmina, ponteiro de relógio.

 

Há dois tipos básicos de shuriken: bo shuriken (lâminas longas e finas) e hira shuriken, ou shaken (lâminas chatas, ou em forma de estrela ou losango).
O método básico de lançar o shuriken varia de uma escola para outra, sendo as principais diferenças na forma das lâminas e no seu uso.

 

Segundo o texto de contribuição da escola de Susumo Motoshima do Japão, a origem do arremesso de pequenas lâminas vem do Ganritsu Ryu, fundado por Matsubayashi Henyasai, um espadachim profissional a serviço do 18o. senhor de Matsuhiro em Kanei, por volta de 1624. Essa escola originou o Katono, ou Izu Ryu, fundado por um samurai de Sendai, chamado Fujita Hirohide de Katono, também conhecido como Katono Izu, aluno de Matsubayashi.

 

Segundo Motoshima Sensei, este foi o estilo que influenciou as principais escolas.
Ele foi pioneiro no lançamento de agulhas, com cerca de 10cm e 20g, muitas das quais ele usava em seu cabelo. A agulha era segurada entre o dedo médio e o indicador e atirada como um dardo moderno, nos olhos do oponente. Dizia-se que ele podia atirar duas agulhas simultaneamente à figura de um cavalo, e acertar cada um de seus cascos.

 

De acordo com a contribuição de Iwasaki Sensei muitos foram os estilos que a partir daí surgiram no Japão antigo como por exemplo:

Enmei Ryu
O famoso espadachim Miyamoto Musashi é tido como fundador dessa escola, que estuda o lançamento de uma lâmina de 40cm, provavelmente uma “tanto” (faca). Há uma história de um duelo entre Musashi e Shishido, expert em Kussari-gama (arma desenvolvida para defesa contra a espada). Quando Shishido puxou sua corrente, Musashi jogou uma adaga e o perfurou no peito, matando-o

 

SHIRAI RYU

O Shirai Ryu foi fundado por Shirai Toru Yoshikane, nascido em 1783 em Okayama. Aos 8 anos de idade, ele começou a aprender a arte da espada com Ida Shimpachiro do Kiji Ryu, e aos 14 mudou-se para Tóquio e treinou diariamente na escola de espada Nakanishi, do Itto Ryu, e começou a ensinar em Okayama aos 23. Por nove anos, sua fama se espalhou e ele teve mais de 300 alunos, mas ele continuou a duvidar de sua habilidade. Nos anos subseqüentes, retornou a Edo várias vezes para treinar com seus senhores, até que eventualmente atingiu um tipo de “revelação maior” e encontrou paz com sua técnica. Após essa revelação, ele acrescentou o nome Tenshin à sua arte, que passou a ser conhecida por Tenshin Itto Ryu. O estilo de lâmina e respectivo método de lançamento que ele ensinava ficou conhecido por Shirai Ryu.

A lâmina do shirai Ryu era um espeto de metal de 15 a 25 cm de comprimento por 6mm de diâmetro. Era pontuda numa extremidade e redonda na outra.

 

 

NEGISHI RYU

O Negishi Ryu foi fundado por Negishi Nobunori Shorei, sucessor de Joshu Anaka durante os últimos dias do shogunato Tokugawa.

Negishi tornou-se aluno de Kaiho Hanpei, segundo mestre de espada do Hokushin Itto Ryu, após mostrar um promissor manejo do Shinai quando criança. Estudou em outras escolas como Araki Ryu, e também a lança do Oshima Ryu, eventualmente tornando-se líder do Kaiho Ryu, e mais tarde lecionou por vários anos. Quando a restauração Meiji ordenou a abolição das espadas, tornou-se fazendeiro, e faleceu em 1904.
A forma básica da lâmina do Negishi Ryu é semelhante a uma caneta com uma cabeça mais larga e a outra ponta como uma bomba esguia. Pesavam cerca de 50g, e às vezes tinham um tufo de pêlos ou algodão na ponta traseira para assegurar um vôo reto.

JIKISHIN RYU JIKISHIN RYU

Não se sabe muito do Jikishin Ryu, e suspeita-se que é uma variação de estilo precursor do Shirai ou Negishi Ryu, ou até do Kashima Shinto Ryu, pois seu método consiste em posicionar o pé direito um passo à frente para lançar a lâmina. A principal diferença está no modo de segurar a lâmina.

 

 

Os três dedos menores ficam dobrados, enquanto o dedo indicador aponta à frente, como se fizesse uma forma de “revólver” com a mão. A lâmina fica na sua parte interna e o polegar aplica uma leve pressão de cima pra baixo, mantendo-a firme sobre o dedo médio dobrado, e segurando a ponta oposta para baixo quando a lâmina deixa a mão. O indicador então repousa na lateral da lâmina, dando suporte. O lançamento é feito simplesmente levantando-se e abaixando-se o braço a partir da lateral, enquanto um passo à frente é dado. O braço corta como se fosse uma espada.

TENSHIN SHODEN KATORI SHINTO RYU

Este estilo é um dos mais famosos do Japão, com uma longa e distinta história. É uma arte composta de várias armas, estando o Shuriken incluso. Como muitas outras escolas, o Shuriken era ensinado como parte do aprendizado da espada. Há descrições de 2 tipos de lâminas. Uma é a hashi, em forma de espeto achatado, com uma ponta afiada e a outra reta.

TATSUMI RYU

Essa escola de artes marciais foi fundada por Tatsumi Sankyo por volta de 1500, e ainda funciona hoje. Ela ensina uma completa gama de armas, incluindo o Shuriken, assim como estratégias marciais e de campo de batalha. Detalhes sobre o Shuriken deste Ryu são escassos no presente, embora suspeite-se que o treino de Shuriken foi introduzido como arte em uma data mais recente.

OTSUKI RYU

Yasuda Zenjiro, mestre de Kenjutsu do Otsuki Ryu de Hiroshima, reconta que seu professor, Okamoto Munishige, um samurai do período Edo do domínio Aizu, usava o Shuriken em muitas ocasiões durante seu emprego nas forças de segurança do Xogunato. Ele carregava cerca de 12 lâminas em vários locais, incluindo no Koshita (lapela do hakama).

IKKU RYU

Ikku Ryu é o nome dado a um estilo relativamente moderno de shuriken, criado por um mestre da modernidade, Shirakami Ikku-ken. Ele foi aluno do mestre Naruse Kanji (falecido em 1948), que treinou espada no Yamamoto Ryu, e escreveu um livro sobre a luta com o sabre japonês, após suas experiências na guerra com a China na virada do século.

 

Mestre Naruse foi aluno de Yonegawa Magoroku que, por sua vez, era aluno do supramencionado fundador do Shirai Ryu, Shirai Toru. De seu professor, Shirakami aprendeu sobre o Shirai Ryu e o Negishi Ryu, e combinou a lâmina do Shirai Ryu com o estilo de lançamento do Negishi Ryu, e formou um novo método, que envolve uma lâmina de ponta dupla.